Bahia é o estado brasileiro com maior número de casos de chikungunya

xIMAGEM_NOTICIA_5.jpg.pagespeed.ic.To0YyqqNsJ

A Bahia é o estado brasileiro com maior número de infecções pelo vírus chikungunya. De janeiro a abril deste ano foram registradas 1.054 ocorrências da doença no estado. No Brasil, no mesmo período, foram 1.978 casos. Além da Bahia, outras 895 ocorrências da enfermidade foram registradas no Amapá. Juntos, os dois estados correspondem a 98,5% do total de casos no país. Os dados foram revelados por levantamento realizado pelo portal de notícias G1. O estudo ainda mostrou que, do total já confirmado, 1.935 são autóctones (a transmissão aconteceu dentro do estado ou município), enquanto outros 40 casos são considerados importados (doença foi adquirida fora do estado ou município). Apenas três ocorrências, todas do Amapá, não tiveram sua origem definida. De acordo o pesquisador Ricardo Lourenço, da Fiocruz, é provável que o número de casos da doença no Brasil aumente, já que a população ainda não tem anticorpos para o vírus. “Tem uma quantidade imensa de pessoas que podem contrair. O Brasil era o único país das Américas a não ter casos autóctones da doença, mas aí o vírus chegou para ficar, infelizmente”, afirmou. O vírus chikungunya é transmitido pelo aedes aegypti, mesmo mosquito transmissor da dengue. O especialista da Fioruz alertou para o risco de uma pessoa contrair as duas doenças ao mesmo tempo. Há casos confirmados na África e em regiões do Oceano Pacífico de pessoas que ficaram com as duas infecções ao mesmo tempo.

Informações: Bahia Notícias

Comente essa matéria