SSP passa a ter acesso a imagens de segurança de órgãos públicos e privados

Foto: Divulgação
A Secretaria de Segurança Pública (SSP) assinara nesta terça-feira (26) três termos de cooperação técnica com entidades públicas e privadas para formalizar o acesso à câmeras particulares que monitoram Salvador e Lauro de Freitas. A concessão será feita por meio da integração dos sistemas da SSP e das instituições participantes. Com a iniciativa, as imagens de monitoramento do município de Lauro de Freitas, do Sistema FIEB, da Associação de Moradores do Horto Florestal, dos Colégios São Paulo, Anchieta, Aquários, e do Projeto Câmera Solidária passarão a ser acessadas pela SSP.
Segundo apurado pelo Correio, a mudança permitirá mais rapidez na ação do órgão, já que não será mais necessário solicitar o material, ir buscar e só então levar para a análise. A partir de agora as imagens podem ser analisadas em tempo real. De acordo com a assessoria da SSP quanto maior a rede de instituições públicas e privada unidas para inibir qualquer tipo de crime, melhor. A medida será formalizada pelo secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, no Centro de Operações e Inteligência.

Comente essa matéria